MEU LIVRO - EDITORA CORPOS - PORTUGAL

quinta-feira, 29 de abril de 2010

A SAUDADE E O AMOR



A Saudade e o Amor

 

Um coração angustiado,

depois de muito sentir dor,

foi procurar um doutor

para saber por que sentia

algo assim, tão desanimador:

- Uma sensação muito fria,

que insistia e persistia,

deixando até a alma vazia.

Queria estar com seu Amor,

falar das coisas

que fazia durante o dia,

falar de coisas tão pequenas

mas tão amenas,

que até o doutor sentiu pena,

do coração que sofria,

sem saber que o que sentia,

era a dor do Amor.

Esse Amor que existia

e que ele até sentia,

mas que não tinha alguém

que alimentasse o coração sofredor.

E quanto mais ele falasse

dos sintomas que sentia,

pedia ao doutor que amenizasse

os sintomas da ausência do Amor.

E o doutor já sabendo o desenlace,

antes que a consulta acabasse,

falou ao coração que abraçasse

o Amor quando ele chegasse,

e procurasse alguém que alimentasse

o seu interior,

com palavras de carinho,

conforto e muito Amor

e que falasse baixinho,

para que o coração deixasse

de sentir essa sensação,

que desgasta, desnutre e mata

quem dela sofre sentindo dor.

A dor da Saudade

de quem vive sem Amor...



Débora Benvenuti


Postar um comentário