MEU LIVRO - EDITORA CORPOS - PORTUGAL

terça-feira, 8 de junho de 2010

SÃO JOÃO,EU QUERO ME CASAR






São João,eu quero me Casar!





Quando é que eu me caso?

Perguntava Dora.

Pergunte para o São João.

Respondia eu,

Rindo da aflição

Que Dora demonstrava

Sempre nessas ocasiões.

Faça uma simpatia,

Depois que a noite se fizer fria.

À meia-noite,

Junto a um pé

De bananeira,

Crave um facão

E retire no outro dia.

A letra que ali aparecer

Será o nome do futuro maridão.

E lá se ia Dora,

Fazer tudo

Como mandava a tradição.

E depois de saber o nome,

Queria saber Dora,

O que faço para saber

Quanto tempo falta

Para essa união?

Muito simples:

Amarre um fio de linha

Numa aliança

E a mergulhe num copo de vidro.

Conte quantas vezes ela vai tilintar,

Batendo de lá para cá.

Se ainda quiser saber mais,

Encha uma bacia d’água fria.

Depois escreva vários nomes

Em pedaços de papel.

Dobre quatro vezes

E os largue na bacia.

No outro dia observe

Qual dos papéis se desdobrou.

Esse será o nome

Do homem que fará

O seu coração se apaixonar..

Se ainda quiser ter certeza,

De que esse dia chegará,

Pegue a clara de um ovo

E a coloque no sereno.

A madrugada fará

A clara em neve se transformar.

Se nada disso acontecer,

Esqueça,

não é dessa vez

Que você vai desencalhar.

Se todas essas simpatias

Surtirem efeito,

Prepare-se...

Mas muito cuidado,

Na hora de ir para o altar.

Não se esqueça de agradecer ao Santo

Na hora de se casar!


Postar um comentário