MEU LIVRO - EDITORA CORPOS - PORTUGAL

segunda-feira, 26 de julho de 2010

ABRAÇA A MINHA ALMA










Abraça a minha alma com ternura,



como se estivesses abraçando a lua.



Eu iluminaria o teu coração



com candura.



Como toda a lua,



seria como o mel,só doçura.



Se pensares em mim na noite escura,



quando no céu eu aparecer



calada e pura,



sinta a energia que te envio,



como forma de te amar,



sinta-me nos teus braços a sonhar.



Embala-me com carinho,



pois estou só e no céu caminho.



Sinto-me perdida



e só em ti eu ainda penso.



Quando olhares o firmamento



e no céu não me encontrares,



estarei afofando as nuvens



para nos teus sonhos



eu adormecer quando sonhares.





Débora Benvenuti


Postar um comentário